Assine

Quem nunca deu aquela stalkeada que atire a primeira pedra! As atitudes do gato na internet dizem muito sobre ele. Quer descobrir se o gato vale a pena? Nós a ajudamos!

Faça o Teste

Sabe aquele crush dos seus sonhos? Veja alguns sinais que demonstram se ele está a fim ou não de você

Texto Redação | Consultoria Marcela Lima, psicóloga clínica

Gif | Tumblr | Reprodução

Fala sério, não tem nada mais difícil do que saber se vale a pena investir na paquera, né? Mas acredite, os meninos não são tão complicados quanto parecem e sempre dão um sinal ou outro de que estão caidinhos. Dá uma olhada nos principais:

1. Ele puxa assunto nas redes sociais.

2. O gato sempre dá um jeitinho de ficar perto de você.

3. Ele elogia tudo (ou quase tudo) o que você faz!

4. Quando estão conversando o garoto sempre tenta fazer uma gracinha ou dá um jeito de tocá-la.

5. Ele nunca deixa o assunto acabar. E, se puder, conversa com você por horas ...

Revista Atrevida | Edição 241

Os garotos não são tão complicados e dão sinais de que o lance está longe de virar romance. Quer ver?

Texto Redação | Foto: Shutterstock

Ele com certeza vai dar sinais
Foto: Shutterstock

1. Ele conversa com você como se fosse um amigo

Sabe quando o garoto começa a falar de coisas nada a ver e a zoá-la? Então, pode ser sinal de que algo não está bem!

2. Ele não faz questão de encontrá-la

Sempre que conversa com ele você fala que poderiam combinar algo, só que ele muda de assunto ou fala apenas para combinarem. #tenso

3. Fala de outras meninas ou da ex

Quando se encontram ele comenta que está a fim de outras meninas ou só fala da ex-namorada.

4. Responde suas indiretas com risadas


Não tem nada mais chato do que abrir o jogo para o garoto e ficar horas vendo o bonito “digitando...” e ele mandar apenas “hehe”.

5. Ele não responde suas mensagens

Ele pode demorar a responder, afinal, as pessoas têm a sua rotina, compromissos, etc. Mas se ele visualizar e não responder nunca mais, aceite isso como um não.

Revista Atrevida | Edição 246

Ele era lindo, legal, enfim, o boy dos sonhos. Mas aí vocês ficaram e... Fuen, fuen, fuen... No dia seguinte, ele foi o contrário: um chato e não apareceu. O que fazer? Como agir? Se está nesse dilema, keep calm, sair dessa só depende de você!

Texto Redação | Foto: Shutterstock

O que fazer?

Foto: Shutterstock

Segure a onda

A gente sabe, dói, não dá para pensar em outra coisa, mas não tem muito que fazer. Às vezes, simplesmente não rola, e alguns garotos não têm coragem de conversar com a menina e mandar a real. E o que se pode fazer é seguir em frente. Ah! Nada de ficar tentando encontrar um culpado por não ter rolado, e o pior, se diminuir por isso. Você é uma garota incrível e vai encontrar alguém mara que seja do seu jeitinho.

Cuide de você

Em vez de ficar pensando por que não rolou, siga a vida e cuide do seu coraçãozinho. Saia com as amigas, vá se divertir, faça coisas que gosta... Ficar encanada com um garoto que não está nem aí é perda de tempo. Relaxe, curta a sua vida, o garoto certo vai aparecer naturalmente.

Falar ou não?

Esta é uma decisão que só diz respeito a você. Pense bem se vale a pena procurar o garoto para ter uma conversa, às vezes, você está se desgastando à toa, enquanto ele está numa boa por aí. Coloque na balança e veja se realmente vale a pena!

Revista Atrevida | Edição 257

Vida após o fora? Se você está nessa, vem cá, damos as dicas para seguir a vida e acabar já com a sofrência on-line ...

Texto Redação | Foto: Shutterstock

E agora?

Foto: Shutterstock

1) Não mande indiretas!

A maioria dos seus amigos já sabe o que rolou e ficar com indiretas ou expondo detalhes do  relacionamento pode criar um clima chato – com o boy e com os seus amigos.

2) Não se exponha

Tome cuidado para não transformar o término em um assunto da galera. Não dá para envolver todos os conhecidos ou descontar a raiva e a tristeza nos amigos do ex!

3) Keep calm

Se está naquele dilema de apagar as fotos ou até mesmo deletar o perfil, pense bem. Cada situação é diferente, claro, mas excluir o seu perfil pode parecer muito agressivo e, se você ama suas redes sociais, pode se arrepender.

4) Pegue leve

Se precisar desabafar, chorar ou falar mal do ex, conte com a ajuda das amigas. As redes sociais não são o melhor lugar para desabafar. Melhor evitar o arrependimento do dia seguinte quando a raiva já tiver passado, né?

5) Pense nos outros

Se colocar no lugar do outro é sempre uma ótima lição. Na hora da dúvida, basta pensar em como você gostaria de ser tratada na mesma situação.

Consultoria: Marcela Lima, psicóloga clínica

Revista Atrevida | Edição 259

Será que sou bissexual? Se você em algum momento já fez essa pergunta, vem cá, ajudamos a descobrir o que tá rolando e deixando-a tão confusa

Texto Redação | Consultoria Marcela Lima, psicóloga comportamental | Foto Shutterstock

Gif | Tumblr | Reprodução

Bi... o quê?

A bissexualidade é uma orientação sexual/ emocional. Uma pessoa que é bissexual sente atração por indivíduos do mesmo sexo e do sexo oposto também. Não existem sinais que demonstrem que você é ou não bissexual e também não há nada de anormal em sentir desejo pelos dois sexos. Vale lembrar que a adolescência é uma fase de experimentação e formação, portanto, o fato de ter experiências sexuais com pessoas do mesmo sexo não é um “sinal” de que a pessoa seja bissexual ou homossexual.

Conto ou não?

Se chegou à conclusão de que realmente gosta de ambos os sexos, fique tranquila, a vida segue normalmente. Você não deve sair contando para todos, a não ser que queira. Você escolhe com quem deseja compartilhar suas informações íntimas.

E meus pais?

Cada caso é diferente e não podemos esquecer que, infelizmente, ainda são praticados casos de violências contra adolescentes que não são heterossexuais. O melhor a fazer é pensar nas consequências e se você está pronta para assumir os resultados. Planejar o melhor momento para contar e pedir a ajuda de pessoas experientes, caso seja necessário, é um caminho mais seguro. Talvez a reação inicial dos seus pais seja negativa, então é importante ter paciência.

 

Gif | Tumblr | Reprodução

Revista Atrevida | Edição 258

Beijar o cara dos sonhos e ... achar uma droga! Isso é supernormal e acontece com todo mundo pelo menos uma vez na vida! Para ajudá-la a sair dessa já, a Atrê dá as dicas

Consultoria Marcela Lima, psicóloga clínica | Ilustração: Isabela Santos

Beijo #fail

Ilustração: Isabela Santos

1. Descubra do que cada um gosta

Para entender do que não gosta no beijo dele você precisa saber o tipo de beijo que agrada aos dois. Quem sabe depois de uma conversa tudo não se encaixa?

2. Mudanças

Quando passamos um tempo beijando o mesmo menino é comum se acostumar com o beijo dele. Será que esse boy beija mal ou é diferente?

3. Você está a fim?

Vale a pena rever como anda o relacionamento de vocês. Quando algo não vai bem, qualquer coisa que a pessoa faz pode parecer ruim. #fato

4. Dê dicas

Que tal dar algumas dicas para o pretê? Assim você deixa claro para ele o que gosta.

5. Desencane

Muitas vezes, não adianta conversar, tentar e se esforçar, o beijo não encaixa. E não tem nada de errado nisso. Tente se afastar da mesma forma que gostaria que fizessem com você. E lembre-se: só porque não gostou do beijo dele, não quer dizer que ele beije mal.

Gif | Tumblr | Reprodução

Revista Atrevida | Edição 248

Ainda não sabe se o boy está a fim ou não? O nosso tradutor ajuda você a decifrar qual é a dele. Se liga e arrase na paquera!

Texto por Aline Marchiori |  Adaptação web: Marília Alencar

Tradutor do beijo

Gif | Tumblr | Reprodução

Beijo na bochecha

O que achamos: Ah, ótimo! Apenas me deu um "oi" quando achei que iria me paquerar.

O que eles querem dizer:

Considero você, acho fofa, mas isso não quer dizer nada.

Beijo na testa

O que achamos:

Ah! Ele é fofo, mas me vê como amiga...

O que eles querem dizer:

Tenho muito carinho e quero cuidar de você.

Gif | Tumblr | Reprodução

Beijo na mão

O que achamos:

Estranho... De que planeta ele veio?

O que eles querem dizer:

Sou muito tímido para dar um beijo em sua bochecha.

Gif | Tumblr | Reprodução

Beijo na orelha

O que achamos

Oi? Quem faz isso? Agora meu ouvido está apitando!

O que eles querem dizer:

Estou aqui sempre pronto para você!

Beijo na boca

O que achamos:

Quero que você seja a minha Hazel Grace, okay? Okay!

Gif | Tumblr | Reprodução

O que eles querem dizer:

Estou super na sua e se você quiser, podemos namorar!

Beijo no ombro

O que achamos:

Será que ele está querendo ver se sou cheirosa?

O que eles querem dizer:

Quero estar mais perto de você!

Gif | Tumblr | Reprodução

Emoji de beijo

O que achamos:

Ele adora emojis, hein?

O que eles querem dizer:

Estou testando para ver se você se abre comigo e manda de volta.

Gif | Tumblr | Reprodução

Revista Atrevida / Edição 254

Você idealizou o date perfeito, mas, no fim, saiu tudo errado? Estamos aqui para ajudá-la! Com o nosso tutorial de como lidar com o inesperado, você vai enxergar que nem sempre o diferente é ruim ...

Gif | Tumblr | Reprodução

Situação 1

Expectativa

Ter o primeiro encontro com o boy no parque da cidade e beijar embaixo de uma árvore, durante um piquenique com uma música inacrê de fundo. Ai, ai...

Realidade
O encontro acontece na festa da galera, na casa de um amigo. O primeiro beijo? Rola na garagem cheia de poeira, com ferramentas de pano de fundo. Quem nunca?

Como lidar
Mais legal do que um cenário perfeito é um encontro espontâneo, em que os dois se aproximam, não porque marcaram data, mas porque foi impossível ficar longe.

Gif | Tumblr | Reprodução

Situação 2

Expectativa
Você e a best combinaram que sempre estariam juntas, não importa a situação. E nunca, em hipótese
alguma, trocariam uma amizade verdadeira por um garoto.

Realidade
A BFF começou a namorar e, desde então, não tem mais tempo nenhum para você. Pra piorar, ela se tornou aquela pessoa que lê as mensagens no WhatsApp e não responde.

Gif | Tumblr | Reprodução

Como lidar

Lembra quando você se apaixonou e sua mãe dizia que estava “com a cabeça nas nuvens”? É o que ela está vivendo agora. Início de namoro é uma loucura. Seja paciente, isso vai passar!

Situação 3

Expectativa
Chegar ao primeiro dia de aula e dar de cara com um gatinho novo na classe. Vocês se olham e fica claro: uma hora ou outra, vai rolar! Ele é perfeito para você.

Gif | Tumblr | Reprodução

Realidade
Não há ninguém novo, só os amigos de sempre e os boys esquisitos de sempre. E alguns até estão mais estranhos do que antes. Ó vida, ó tédio...

Como lidar
Não é porque não tem um boy novo que você precisa se desesperar. Coisas novas acontecem o tempo todo ao nosso redor, basta prestar atenção.

Gif | Tumblr | Reprodução

Situação 4

Expectativa
Passar as férias de julho na Disney, só com os seus pais e irmão. Serão dias de muita adrenalina, magia e compras, é claro. Você já prevê: seu Insta e Snap vão bombar com as fotos da viagem.

Realidade
Você na casa da sua tia, com mais 20 pessoas da família. Lá não tem TV a cabo nem internet e, às  vezes, falta água quente. E o pior, você precisa ficar horas esperando para tomar banho.

Gif | Tumblr | Reprodução

Como lidar
As suas férias dependem dos seus pais - e do dinheiro deles. E o mundo adulto é mais complicado do que parece. Esqueça um pouco a tecnologia e aproveite os momentos em família.

Gif | Tumblr | Reprodução

Situação 5

Expectativa
Encontrar o seu ex-namorado quando você estivesse toda linda, com os cabelos ondulados tipo “acabei de sair do mar”, uma roupa incrível e um make que a deixasse naturalmente maravilhosa.

Realidade
Vocês se trombam na rua da sua casa, em pleno domingo de manhã. Seus olhos inchados entregam que você acabou de acordar, e o moletom cinza que vestia era, na verdade, uniforme do colégio antigo.

Gif | Tumblr | Reprodução

Como lidar
Com naturalidade. Sorria, cumprimente, pergunte algo sobre a família dele e corte logo o papo. Se é ex não precisa ficar dando muita moral, né? Foca no futuro, porque a fila tem de andar!

Revista Atrevida | Edição 251

Ninguém está livre de levar um pé na bunda. A gente não gosta nem de pensar nisso, mas o fato é que é possível dar a volta por cima e tirar várias lições dessa experiência. Quer ver só?

Texto Veridiana Mercatelli | Foto Shutterstock | Adaptação web: Marília Alencar

Existe vida após o fora?

Foto: Shutterstock

Lidar com a rejeição não é das coisas mais simples deste mundo. Se já é difícil aceitar de boa ser escolhida por último para fazer parte do time de basquete na aula de educação física, imagina quando o assunto é a vida amorosa. Quem diz que isso é bobagem, ou só está dizendo para amenizar a situação ou, de fato, nunca sentiu essa dor do fora. E com o fora, normalmente vem uma pergunta quase inevitável: “O que foi que eu fiz?”. Segundo a
psicóloga do Centro de Atendimento e Apoio ao Adolescente do Departamento de Pediatria da Unifesp, Teresa Helena Schoen Ferreira, ninguém termina porque o outro fez alguma coisa (a não ser em casos de traição, claro). A “culpa” não é sua, o que acontece é que o relacionamento não deu certo. Pode haver algumas características de vocês dois que  simplesmente não batem. A saída, então, é pensar no que você tem de bom. Esqueça o que ele falou a seu respeito como justificativa para terminar e pense somente em suas qualidades. Agora, é o momento de recuperar a autoestima, que provavelmente está abalada. Aqui vão mais algumas dicas para levantar esse astral rapidinho:

Gif | Tumblr | Reprodução

• Não dê ouvidos se alguém disser que você é idiota por estar sofrendo. Seu sentimento é, sim, real.

• Aceite as coisas boas que as pessoas estão dizendo sobre você, não duvide delas.

• Permita-se chorar no seu canto, aceite o sentimento e não lute contra ele. Você vai ver como a tristeza vai passar mais rápido.

• Gaste toda a energia que gastava com o namoro com você mesma. Cuide do visual, dos seus planos de vida, estude... Não perca seu futuro de vista!

• Saia com as amigas. E, em um primeiro momento, evite sair com casaizinhos. Você vai querer vomitar (e não é arco-íris) com o chamego alheio.

• Nada de colocar o ex no pedestal! Ele não é um santo e o namoro, assim como todos os outros, provavelmente também teve seus maus momentos. Tente se lembrar deles.

• Mesmo que você queira voltar, entenda: agora não é a hora! Se tentar voltar estando deprê, aí é que o
menino não vai querer ficar com você. Melhore primeiro. Pode ser que, em pouco tempo, você perceba que este fim de namoro foi a melhor coisa que aconteceu em sua vida.

• Se a fase de choro se prolongar muito e estiver difícil de lidar, não tenha vergonha de procurar uma ajuda, seja com psicólogo, com alguma pessoa mais velha, como professora, irmã, prima, mãe... Você não precisa enfrentar tudo sozinha!

Revista Atrevida | Edição 245

Um boy resolveu ficar na sua cola. O que seria ótimo se não tivesse um problema: você não está a fim dele! Veja como virar esse jogo sem chatear o pretê!

Texto Redação | Ilustração: Isabela Santos | Consultoria Marcela Lima, psicóloga clínica

Beijo, não me liga!

Ilustração: Isabela Santos

  • Seja clara!


Nada de ficar enrolando ou dando esperanças para o menino como forma de evitar uma conversa chata. Fale com delicadeza, agradeça o interesse, mas não deixe que ele acredite que você pode mudar de ideia ou fique com dúvidas sobre o que você disse.

  • Seja discreta


Pense no melhor lugar e momento para dispensar o gato. Falar na frente dos amigos dele ou sair contando para todo mundo o que aconteceu pode deixar o boy muito envergonhado (e triste!). Sinceridade em primeiro lugar Não tente inventar desculpas para justificar a sua falta de interesse, pois isso pode magoar ainda mais uma pessoa que gosta de você. A gente não escolhe de quem gosta e ele com certeza já teve de fazer o que você está fazendo.

  • Coloque-se no lugar dele


Problemas podem ser evitados quando tratamos os outros da maneira como gostaríamos que eles nos tratassem. Tente se colocar no lugar do garoto sempre.

Revista Atrevida | Edição 251

Tá certo que conquistar alguém ainda é uma arte que conta com alguns truques. Mas muitas das dicas que são consideradas “de sucesso” não têm mais nada a ver. Entenda!

Texto Veridiana Mercatelli | Foto: Shutterstock 

Quebre algumas regras que ficam na sua cabeça

Foto: Shutterstock

Desde que sua avó – bisavó, tataravó... – era uma adolescente, já existiam truques de conquista, tanto para as garotas quanto para os meninos. Acontece que (aleluia) evoluímos todos e muito do que um dia foi regra, está out. Até porque, né? Quem precisa de regras quando existe sentimento? Mesmo assim, sabemos que chegar no boy pode ser um pouco complicado. É por isso que mostramos agora o que pode (ou não) funcionar na hora da conquista!

Regra 1
Faça joguinho de sedução
#SQN

Esta é aquela velha história que escutamos desde criança e, cá entre nós, já estamos cansadas de ouvir. A regra é a seguinte: você dá atenção, some do mapa duas horas depois, é toda fofa, mas ignora no dia seguinte... Tudo para que o cara fique confuso, mas interessado (como assim?). Ok, não sabemos quem foi que inventou essa ~regra~ no passado, mas convenhamos: a vida é prática, a fila anda e quem é que tem paciência para ficar nesse joguinho chato de gato e rato? Você ia curtir se o boy fizesse isso? Cansamos só de pensar nessa situação. O fato é: gostou, gostou, não gostou, segue a vida!

Gif | Tumblr | Reprodução 

Regra 2 
O menino deve pagar tudo
#SQN

Claro que se no primeiro encontro ele se oferecer para pagar o seu almoço (ou sorvete, jantar, cupcake...), é porque ele pode e quer ser gentil com você. Então, aceite de boa! Mas seria bom não sair com ele esperando essa atitude desde o começo, como se isso fosse uma obrigação - o que definitivamente não é. Já pensou que ele pode querer conhecê-la melhor, mas está sem grana pra bancar vocês dois? Se rolar essa pressão o menino pode desencanar com medo do que você pode pensar. Ao mostrar o seu interesse em pagar a sua parte, você revela um respeito por ele também. Dividir não custa nada, vai!

Gif | Tumblr | Reprodução 

Regra 3 
Ele é quem chama pra sair sempre 
#SQN

Fala sério, hein! Qual é o problema em dar a ideia de ir a um cinema ou até à lanchonete que você tanto curte? Os meninos evoluíram e não vão pensar que é o fim do mundo se uma garota convidá-los pra sair (sério mesmo!). Pelo contrário! Os tímidos, principalmente, agradecem essa atitude toda. Porém, vale lembrar que é legal falar com jeitinho (infelizmente, os caras ainda se assustam se a menina for direta demais – é que certas coisas ainda estão em processo de mudança). Há várias maneiras de mostrar interesse sem se expor demais e isso pode ser feito com aquele charme que nós sabemos que só você tem. Arrasa, girl! Aproveite o momento.

Gif | Tumblr | Reprodução 

Regra 4 
Pense nele quando se vestir 
#SQN

Até entendemos que você quer impressionar o garoto e deixá-lo caidinho, mais apaixonado do que nunca na vida, mas de nada adianta fazer uma produção baseada no que você ACHA que ele vai curtir se não tiver nada a ver com o seu estilo próprio ou que não a faça se sentir bem e confortável. E mais: se o boy se interessar por você, que seja pelo jeito que é e se sente mais confortável. Isso também vale para a maquiagem. Se você se sentir bonita é porque está mesmo #pensenisso! Imagina começar a namorar o garoto e ter de fingir ser algo que não é todos os dias da sua vida? Péssimo, vai? Seja você e conquiste o boy de vez.

Gif | Tumblr | Reprodução 

Revista Atrevida | Edição 251