Assine

Saiba quando o seu nível de stress e ansiedade começa a afetar a sua saúde

Foto: Reprodução/Tumblr

Foto: Reprodução/Tumblr

Sim, o ano escolar costuma ser sempre tenso! Mas é preciso tomar cuidado para o nível de stress não começar a afetar a sua saúde, ok? As vezes, o nível de ansiedade de uma pessoa é tão grande que faz com que problemas como falta de ar, dores de cabeça e tonturas comecem a aparecer. Para evitar todas essas coisas chatas, fique ligada nas nossas dicas e saiba quando você deve começar a controlar mais o seu nível de stress. 

Você está obsessiva demais
Você tem aquele teste na semana que vem e o medo de tirar uma nota ruim começa a aparecer. Que tal fazer uma lista de assuntos que cairão na prova e estudá-los separadamente. Você pode também anotar palavras chaves de cada assunto para quando for revisar tudo, se recordar mais facilmente.
Alerta: se o foco da sua vida passa a ser essa prova, tome cuidado! É normal se preocupar mas não passe a viver em função dessa prova. É importante relaxar e ter momentos de de descontração com suas amigas e família. Procure sempre tirar um tempinho de descanso entre os estudos, combinado? 

Você está ansiosa demais 
Há situações no colégio que faz com que a sua ansiedade dobre, né? O professor da matéria mais difícil ever dá uma prova surpresa, o seu paquera vem falar com você ou você tira uma péssima nota em uma prova. OMG, quanta coisa, né? Uma dica é colocar uma inspiração diária em seu caderno ou armário e procure respirar fundo e pensar com calma quando alguma situação ‘lhe colocar contra a parede’. Alerta: as vezes, os níveis de ansiedade se tornam tão grandes que problemas como crises de pânico podem começa a aparecer! Procure encarar a vida numa boa, saiba que você não é a única garota a enfrentar todo o tipo de pressão e encare situações embaraçosas com calma, respirando fundo sempre.

Você está triste demais
Você já imaginava que um término de namoro ou uma nota bem baixa na escola poderia te deixar triste, mas não imaginava que ficaria TÃO pra baixo, né? Que tal sair da rotina e experimentar coisas novas? Chame as amigas e vão à um parque novo, curtir uma balada que nunca foram ou ir jantar no restaurante novo da cidade. Procure estar sempre perto das pessoas que te fazem bem, você vai ver como vai te ajudar. Alerta: se sentir triste por uns dias é comum. Agora se sua tristeza já dura semanas, você não quer mais levantar da cama e nem ver mais ninguém na frente, pode estar com quadro grave de depressão. Procure contar para os seus pais o que está acontecendo e procure ajuda médica, ok? 

Todo mundo tem uma – ou várias! – amiga que édifícilde lidar. Mas se você for se ligar só nos defeitos das meninas, corre o risco de acabar sozinha. Por isso, vale a pena tentar aprender a lidar com elas.

Veja a Galeria

Muito sono e falta de disposição nas aulas? A gente te ajuda com alimentos que te deixam mais esperta em todas as aulas

Veja a Galeria

Fique ligada na moda que está bombando nos colégios

Veja a Galeria

Já pensou estudar ao lado da Blair Waldorf? Ou fazer um grupo de estudo com a Hermione? Que sonho!

Veja a Galeria

Será que você leva o ano letivo muito a sério ou total na bagunça? Se liga neste teste que a Atrê preparou e descubra se você será uma aluna dos sonhos (ou não)...

Faça o Teste

Namorar com um garoto da escola pode ser muito divertido! A Atrê conversou sobre o assunto com um casal que namora há mais de dois anos! Se liga!

Namoro na escola

Jéssica e Lucas se conheceram na escola e namoram há mais de 2 anos!

Foto: Arquivo pessoal

Namorar com um garoto da mesma escola não é tão difícil quanto parece! A convivência, os amigos em comum e o dia a dia cheio de romance pode ser muito bem aproveitado! A Atrê conversou com um casal, a Jéssica Tanabe e o Lucas Lima. Os dois se conheceram na escola, onde iniciaram um namoro

Apesar de já terem ficado algumas vezes, a Jéssica não queria nada sério com o Lucas, até vê-lo beijando outro garota da escola. Foi aí que ela percebeu que gostava dele de verdade e deveria investir no romance. E foi depois da viagem de formatura do nono ano, que os dois começaram a namorar! A história é linda, né? A Jéssica e o Lucas deram algumas dicas para o namoro na escola dar certo, sem briguinhas bobas ou crises de ciúmes, ok? Fica ligada! ;)

Continue Lendo

É fundamental registrar em cartório quem faz parte da comissão de formatura e as funções de cada pessoa. Com este modelo de estatuto de formatura, fica fácil, fácil garantir que você e sua turma tenham uma festa dos sonhos... Copie!

Modelo de estatuto de formatura

Yes, chegou a formatura! Para não se enrolar com a papelada, confira este modelo!
Foto: SXC

Texto: Raphaela Maia
Modelo de Estatuto de Formatura cedido pela Agência B2

Você chegou ao fim de uma etapa importantíssima da vida e não vê a hora de jogar o chapeuzinho para o alto na formatura. Mas, para que este momento seja perfeito, é importante documentar cada passo. Na matéria Formatura, aqui vou eu, que está na edição 216 da revista Atrevida, preparamos um guia completo para garantir a festa dos sonhos ou uma viagem inesquecível – seja para uma turma tradicional, descolada, sem muita grana... Afinal, foram anos e anos até conquistar este diploma, né? Confira – e copie – este modelo de Estatuto de Formatura e faça acontecer!

Continue Lendo

Confira JÁ um plano de estudos para passar no vestibular sem frio na barriga, estudando de boa durante o ano inteiro. Quem dá as dicas é a atriz Bianca Salgueiro, que além de trabalhar na novela ainda conseguiu passar no vestibular de quatro universidades! #sonhodeconsumo

Bianca Salgueiro passa no vestibular em primeiro lugar

Como passar no vestibular sem pirar: Biana Salgueiro te ensina!
Foto: Reprodução: G1/Alexandre Durão 

Texto: Raphaela Maia

Como passar no vestibular? Essa questão, que mais parece um desafio, tem resposta simples e para a atriz Bianca Salgueiro se resume a uma palavra: dedicação. A estrela de Fina Estampa acaba de passar no vestibular em não uma, mas quatro universidades: UERJ, UFF, PUC-Rio e UFRJ, sendo que na UERJ ficou em primeiro lugar (Uau!), isso sem contar que Bia não tinha muito tempo para os estudos, pois trabalha duro nos estúdios de gravação. Então... Qual o segredo para ser aprovada no vestibular e garantir ao menos uma vaguinha? Confira as dicas a seguir e prepare seu próprio plano de estudos! Continue Lendo

Será mesmo que essas garotas são realmente suas amigas?

Foto: Shutterstock

Foto: Shutterstock

Antes: para pra pensar, gata: de que adianta estar numa turma de meninas superpopulares, que topam todas as baladas, se na maioria das vezes elas sempre a fazem se sentir um lixo? Aproveite a chegada do ano novo para fazer esse tipo de reflexão e se chegar à conclusão de que merece mais, dê um tempo nessa galera. Invente umas desculpas para não sair mais com elas e, enquanto isso, crie coragem para fazer novos amigos, pessoas que parecem ter mais a ver com você. Puxe conversa com outras meninas da classe, do seu condomínio, do clube. Marque uns encontros com o pessoal que só conhece virtualmente, interaja mais com as meninas que fazem parte do fã-clube da banda que você adora. Pode ter certeza de que muita gente esquisita vai pintar no seu caminho, mas uma hora ou outra, uma turma legal também vai aparecer e vai recebê-la de braços abertos. Afinal, os amigos existem pra facilitar a nossa vida, para nos ajudar a ser mais felizes, não é? Então, é esse tipo de turma que você deve buscar.

Depois: tente não ficar comparando as novas amigas com as antigas, apenas aceite as meninas do jeito que são, assim como elas estão fazendo com você. E se as velhas amigas (da onça!) reclamarem do seu sumiço, diga algo como: “Vou ser feliz e já volto!”. Pronto!

 

A Atrê levanta a bandeira #AtrêContraOBullying e vai te ajudar a vencer esse bichinho chato das escolas

Veja a Galeria

Se você acha que está é a sua hora de entrar para o mercado de trabalho, aproveite as dicas da Atrê e engorde o seu porquinho!

A Atrê te dá dicas para se jogar no mercado de trabalho | Foto: Reprodução

A Atrê te dá dicas para se jogar no mercado de trabalho | Foto: Reprodução

Imagine a seguinte cena: você foi passar uma tarde no shopping com as amigas e, de repente, viu aquela saia ma-ra-vi-lho-as que estava procurando há séculos! Só que sua mesada já acabou faz tempo e seus pais, definitivamente, não irão adiantar a grana do próximo mês. Triste né? Eis que surge uma idéia: “E se eu arrumasse um emprego?”. Pois é, essa é a realidade de muitas garotas que resolveram conquistar um pouco de independência dos pais e correram atrás de alguma maneira de ganhar dinheiro, seja em um estágio, um emprego temporário ou mesmo com a criatividade. Se você se animou ou se já estava pensando nisso, então esta é a hora. A Atrê preparou um manual com tudo o que você precisa saber para começar essa nova fase da vida.

Como faz

Decisão tomada, agora é a hora de correr atrás. A primeira coisa a fazer é convencer seus pais e montar um currículo. Depois disso, é preciso decidir onde procurar o tão sonhado emprego. Muitas vezes, é possível arrumar algo na área em que pretende seguir futuramente. Se conseguir, vale a pena investir nisso. Caso não role, não desanime, existem outros tipos de trabalho que você pode exercer para ganhar uma grana e adquirir experiência.

Como convencer meus pais?

Muitas vezes, os pais não aceitam muito bem a vontade dos filhos de ter independência, e o fato de você querer um emprego ode ser interpretado de maneira precipitada por eles. Mostre o porquê você quer tanto trabalhar e passe confiança e segurança. A estudante Thaís Lee, 19 anos, sentia falta de um programa que falasse sobre moda jovem feita por jovens e decidiu criar um projeto para a televisão que abordasse o tema. Ela conta que, no inicio, teve apoio somente do pai, mas sua mãe não acreditou muito na idéia. “Ela dizia para eu desistir e trabalhar com ela nos negócios da família.”. Atualmente, o programa Fashion Stamp é exibido no canal 13 da NET e tem Thaís como apresentadora.

Chegou mesmo a minha hora?

A vontade de ter mais dinheiro para sair com a turma ou para poder comprar mais coisas que deseja não é um indicio de que você está pronta para o mercado de trabalho. O fator financeiro é importante, mas é preciso ter em mente que o trabalho demanda tempo e ele não deve interferir nos estudos. Por isso, esteja certa de que dará conta de toda a responsabilidade que terá por conta da jornada dupla. A gerente de treinamento do Nube (Núcleo Brasileiro de Estágio), Carmen Alonso, dá a dica: “Considere sua situação atual. Se o trabalho for contribuir para você alcançar seus objetivos, vá a luta, mas fique atenta à nova rotina e tenha disciplina para dar conta de todos os compromissos.”

Como montar um currículo?

Esta é a maior duvida de quem nunca trabalhou. Aposto que você já se perguntou: “Mas eu não tenho experiência, como vou montar meu currículo?” É muito simples. A consultora de educação corporativa e coach, Mayla Brabo, afirma que o currículo de uma pessoa sem experiência deve conter, principalmente, suas principais características. “Lembre-se de ser verdadeiro, já que o entrevistador pode solicitar que você fale sobre situações em que mencionado no currículo.” Não se esqueça de colocar os cursos, atividades de voluntariado e intercâmbios culturais que tenha feito. A gerente de recursos humanos, Flavia Manna, dá outra dica importante. “Seja sincera! Coloque no currículo que você procura uma oportunidade no mercado de trabalho e que está será o seu primeiro emprego.” Também não se deixe levar pela tentação de utilizar informações falsas. Isso poderá prejudicar o seu desemprenho durante a entrevista. Ah! E mantenha todos os seus dados e formas de contato atualizados!

Onde procurar?

Atualmente, já existem sites que reúnem vagas de todos os tipos. Alguns são pagos, mas é possível cadastrar seu currículo por sete dias grátis. As paginas de grandes empresas também contam com uma área de seleção de profissionais. Portais como o Nube e o Ciee são especializados em recrutamento de jovens do Ensino Médio ou que estão no inicio da faculdade.

O que vestir para ir a uma entrevista?

Você deve ter em mente a imagem que gostaria de passar para o entrevistador. É na entrevista que vocês terão o primeiro contato e é importante se mostrar séria e de confiança. “Evite roupas transparentes, curtas e muito justas”, sugere Flavia Manna. Lembre-se de que sua roupa não deve chamar mais atenção do que você. O mesmo vale para as mãos. Pinte as unhas com cores claras e nada de esmalte descascado, isso deve passar a impressão de desleixo. Outra dica da gerente de recursos humanos é não exagerar no perfume. “O cheiro muito forte pode incomodar demais num processo de recrutamento e seleção”, revela.

Entrevista: a hora da verdade

Ok dos pais, currículo pronto e agora vem a fase mais importante: a entrevista. Saber se portar durante uma entrevista de emprego é fundamental para conseguir o tão sonhado trampo. É bom vestir roupas adequadas, pensar antes de falar e, principalmente, perguntar se tiver qualquer dúvida em relação ao trabalho. Muitas pessoas acabam se frustrando por não perguntarem algo que não entenderam durante a explicação do entrevistador.

Como se comportar durante a entrevista?

Para fazer uma entrevista de emprego é necessário um preparo especial. Além da roupa, é interessante fazer uma pesquisa prévia sobre a empresa. “Acesse o site da empresa para conhecer um pouco sobre sua história e atuação no mercado e comente sobre seu interesse com o entrevistador. Isso pode fazer a diferença e pesar na escolha do candidato”, avalia Mayla Brado. Tente chegar, pelo menos, dez minutos antes do horário marcado. Assim você terá um tempo a mais para “respirar”, pensar no que irá falar e para ficar mais tranqüila. De acordo com Carmen Alonso, durante a entrevista, é preciso tomar cuidado com o que fala. “Evite gírias, gerúndio e vícios de linguagem. Lembre-se de que está conversando com a pessoa que poderá contratá-la”, aconselha. Também é importante ter firmeza ao falar, olhar nos olhos do entrevistador e ter boa postura ao sentar e levantar. Isso passa a impressão de que você é uma pessoa muito segura e determinada, qualidades que contam pontos na hora da contratação.

Como enfrentar o nervosismo?

As mais tímidas podem achar que vão logo ser eliminadas em uma dinâmica de grupo. Mas nem sempre isso acontece. “As dinâmicas de grupo nos ajudam a conhecer melhor o candidato”, afirma Flavia. Claro que é importante se soltar, mas não é timidez que prejudicará sua performance. Se você fica muito nervosa, procure respirar fundo, isso ajuda a driblar a ansiedade e a confiar mais no seu potencial.

Consegui \o/ Mas e agora?

A sensação de conquista é demais! Mas para manter o emprego é preciso saber como se portar dentro do local de trabalho. As regras de vestimenta devem seguir os padrões da empresa. Também tome muito cuidado com o que escreve nas redes sociais. Apesar de ser um perfil pessoal, não saia postando tudo o que vier à cabeça. Isso pode acabar queimando você com seus superiores.

Como devo me comportar na empresa?

O primeiro dia é sempre mais difícil. Afinal, você não conhece ninguém, não sabe muito bem suas funções e, principalmente, não sabe como a empresa funciona. Mas não desanime, são coisas que se aprendem com o tempo. Durante o expediente, evite falar gírias, demonstre interesse em fazer coisas novas, além das suas funções. Se tiver descontente, não saia reclamando para todos. Conversar com o seu chefe é a melhor situação para resolver o problema.