Você se sente muito magra? Não tem seios fartos, nem o típico bumbum abrasileirado? Se você não curte fazer parte do time das magricelas, aprenda aqui a conquistar curvas sem precisar engordar.

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Pois é. Enquanto algumas de suas amigas procuram um jeitinho de perder uns 3 quilos, você torce para ganhá-los – nos lugares certos do corpo. E fica triste cada vez que tem de procurar roupa na sessão infantil, de tão magrinha que é. Ganhar curvas não é uma tarefa tão fácil, mas está longe de ser impossível. Com uma alimentação balanceada, a prática regular de esporte e alguns exercícios específicos, você vai conseguir o corpo dos sonhos antes do que imagina – e o melhor, com muita saúde.

Antes de começar a se preocupar com tudo isso, faça o calculo do IMC (índice de massa corporal) para checar se você está, de fato, abaixo do peso ideal ou apenas precisa de curvinhas extras. 

É bem simples calcular o IMC. Faça a seguinte conta: PESO ÷ ALTURA X ALTURA. Por exemplo, se o seu peso é 55 kg e a sua altura é 1, 65 m, seu IMC será de 20,2.

Classificação:
IMC abaixo de 18,5: você está abaixo do peso ideal e precisa ter acompanhamento médico.
IMC de 18,6 a 24,9: você está dentro do peso ideal, compatível com sua altura.
IMC de 25 a 29,9: você está acima do peso.
IMC acima de 30: indica obesidade e também precisará de acompanhamento médico.

Alimentação

Nem adianta se entupir de guloseimas para ficar mais “encorpada”. Isso só vai trazer prejuízos para o corpo (malditas gorduras – mal – localizadas). Ao comer de forma errada (alimentos gordurosos e com muitas calorias), o corpo está ingerindo massa gorda, enquanto que, para ter um corpão é necessário ganhar músculos.

- Prefira carboidratos integrais como os cereais, frutas, mel, e gorduras mono e poliinsaturadas, como o azeite. Evite os alimentos termogênicos, que aumentam o metabolismo e a temperatura interna corporal, o que acarreta na redução de peso. São eles: canela, gengibre, chá verde, pimenta, vinagre de maçã e guaraná em pó.

- Quando bater aquela fominha entre uma refeição e outra, invista no açaí ou na vitamina de abacate. Eles ajudam a dar uma encorpada de forma saudável. E não deixe de comer a cada três horas. Dicas: frutas, sucos, barrinhas de cereais ou iogurtes.

- Suplementos e vitaminas: já ouviu aquela velha história de que a amiga de uma amiga começou a tomar suplementos alimentar e ficou bombada? Cuidado, nem sempre isso funcional e pior, não faz bem a saúde, principalmente se usado sem acompanhamento médico.

Exercícios
Nada de fugir da academia! Invista na musculação, que pode ser feita em casa mesmo. Ao invés de usar o elevador, suba pelas escadas para tornear as pernas e dar adeus ao efeito palito. Já os exercícios aeróbicos (caminhada, corrida, bike e natação) ajudam a eliminar gorduras e perder peso. Mas também são importantes para dar aquele fôlego.

Pra fazer em casa diariamente:
- Faça três séries de 15 agachamentos para ganhar massa muscular nas coxas. Descanse 30 segundo entre cada série.

- Suba três vezes uma escada de 30 degraus durante o dia para fortalecer as pernas e o bumbum.

- Em pé, segure um pesinho (halteris) de 2 kg em uma das mãos e levante-o até a altura dos seios. Faça três séries de 10 movimentos para cada braço.

- Deite de lado no chão e sustente o corpo, apoiando-se apenas no cotovelo e no antebraço. Aguente firme durante 30 segundos e repita a série duas vezes de cada lado para fortalecer os braços e o abdômen. Dê o intervalo de dois minutos para cada.

Quem deu as infos: Paula Castilho, nutricionista do Sabor Integral Consultoria em Nutrição, Marcos Paulo Rosmaninho, personal trainer e sócio proprietário da BPM² Assessoria Esportiva, Fernando Fonseca, personal training e Genivaldo Holanda Matias, personal trainer e diretor da Test Trainer.