Celebs / Se Liga / 15 minutos com Maju Trindade

15 minutos com Maju Trindade

A SuperAtrê Juliana ficou frente a frente com a Maju Trindade, youtuber mais estilosa que a gente respeita e, de quebra, ainda fez uma entrevista inacrê com ela. Vem ver só os baphos que a girl descobriu!

Quando você percebeu que o YouTube tinha se tornado a sua profissão?

Foi quando comecei a receber e-mails de lojas. A primeira foi de um outlet que queria me mandar um xampu para eu testar e publicar. Na época, eu tinha 15 anos e achei o máximo! Depois que entraram em contato de novo meu pai falou para cobrarmos, na hora até achei um absurdo [risos]. Acabamos cobrando bem pouco e a marca topou, e foi aí que a gente pensou que, se deu retorno para a marca, também pode dar pra mim, e foi quando tudo começou.

E você lembra como foi a primeira vez que te reconheceram na rua?

Lembro! Eu estava em um hotel no Guarujá que ia todo final de ano com a minha família, aí ligaram perguntando por mim e fiquei em choque. Meu pai ficou desesperado e sem entender nada, perguntando se era algum menino [risos]. Acabamos descendo e era um grupo de meninas que falaram que me adoravam! Eu fiquei assustada e tímida no começo [risos].

Atualmente você está superfocada no seu canal do YouTube, né? Tem algum assunto que você ainda não tenha falado em nenhum vídeo, mas gostaria de gravar?

Acho que falar mais sobre a minha religião. As pessoas me pedem muito, mas não sei ainda como vou falar sobre isso. Não sei se vou fazer um vídeo respondendo perguntas ou se vou só sentar e falar o que sentir na hora. Quero falar sobre isso em breve, mas ainda não sei como.

Falando nisso, como você lida com as críticas por ter tatuagem e ser religiosa?

Acho que antigamente as pessoas tinham mais preconceito em relação a isso, mas agora é um pouco mais tranquilo, então não é uma coisa que lido constantemente. E também não sinto que me atrapalha, porque isso não me faz menos religiosa ou errada, por exemplo.

Qual é a sua meta principal para este ano?

Com certeza terminar meu segundo livro. Você já pode adiantar o que vai ter nele pra gente? Ele vai ser diferente do primeiro, que tinha mais fotos. O segundo vai ter menos fotos e ainda vai ser sobre mim, porém, estou pensando mais nas pessoas. Quero que, além de conhecerem a Maju, ele as ajude a se conhecerem mais.

Você ainda pretende fazer uma faculdade?

Pretendo fazer, sim. Ainda não sei quando, porque a minha vida é uma loucura. Mas eu queria fazer psicologia.

Pra você, morar sozinha é como imaginava?

Não [risos]. Achei que eu seria supermadura, mas também me mudei muito cedo. Quando moramos sozinhas temos de resolver as coisas de uma vez por todas e sermos responsáveis, e isso é um pouco complicado no começo. Uma vez minha pia entupiu e eu não tinha ninguém pra me ajudar, então tive de resolver sozinha [risos].

Maju Trindade revela tendências preferidas para o inverno

Manu Gavassi lança clipe com foco em 'girl power' da música Camiseta!

Você prefere o cabelo da Maju Trindade longo ou curto?

Mudando um pouco de assunto, você está sempre com um make natural. Qual o segredo para manter a pele hidratada?

Gosto muito de cuidar da minha pele e também acredito que menos é mais, então sempre uso o mesmo make natural. Uma coisa que faço é tirar a maquiagem antes de dormir, acho que faz toda a diferença. Também hidrato com vitamina C e uso protetor solar, ajuda bastante!

O seu estilo faz muito sucesso. Como você o descreve?

Um pouco gótica [risos]. Não sei muito, na verdade. Eu sempre gostei de usar o que estava a fim e prezei pelo conforto. Também gosto de preto, então se for confortável e preto, está maravilhoso.

Você acha que o estilo que tinha há três anos mudou?

Mudou muito. Antes gostava mais de cor e estampa, hoje eu tenho um caso de amor com o preto. Acho que antes eu arriscava mais.

Quando você tinha 15 anos, como imaginava que seria a Maju de 19? É como é hoje?

Não, nem um pouco [risos]. Eu me via fazendo alguma faculdade e morando já em São Paulo, mas não imaginava isso que está acontecendo agora.



Comentários