Conversamos com o Matheus Dias e descobrimos tudo sobre a experiência do boy na TV

Confira uma entrevista com o Matheus Dias, o Júnior de Malhação

Foto: Divulgação | Globo

A temporada de Malhação: Pro Dia Nascer Feliz está chegando ao fim! Conversamos com o ator Matheus Dias, que interpetou o Júnior na novela. Olha só: 

Quais foram os maiores desafios para viver o Junior em Malhação?

Eu sempre tive muita certeza do que eu queria, mas a pressão do primeiro trabalho me fez sentir medo logo no começo. Tinha receio das cenas de vôlei e das cenas com os atores veteranos, mas aos poucos fui vendo que não era nenhum bicho de sete cabeças. A dificuldade até então eram as cenas onde eu tinha que jogar vôlei.

No que você mais se identifica com o Junior?

Ele é um menino sonhador, tímido e um amigo para toda hora. Acho que esse jeito simples e leve do Junior ver o mundo, levei um pouco de mim pra ele e deu certo. Se reparar em quase todas as cenas o Júnior estava com um sorriso largo estampado no rosto e as pessoas falam que ele passa uma coisa muito boa. Procuro ser assim no meu dia-a-dia.

Quais são suas maiores diferenças?

Em alguns momentos ele se calava em algumas situações, tudo bem que em vários desses momentos era o sustento dele e de sua mãe que estavam em jogo. Mas se eu ouvisse os comentários racistas da Stela eu não me calaria.

Seu personagem sonha em ser jogador de vôlei profissional. Você já praticava esse esporte antes da novela?

Eu jogava futebol como goleiro até os 11 anos e depois parei. Pouco antes de começar a novela, comecei a fazer aulas de vôlei. Nunca havia praticado.

Em certo momento da trama, o Junior foi vítima de racismo. Você já passou por algo parecido? E qual conselho você dá para jovens que estão sofrendo com o racismo atualmente?

Nunca passei por nada parecido, mas tenho amigos que já passaram. O conselho que dou, é para que nunca se calem a esses absurdos. Racismo é crime, denuncie

3 coisas que você faz para o dia nascer feliz.

Eu gosto de dormir bem, ver sorriso da minha irmãzinha e estar com a minha família.

Quais são seus próximos planos para a carreira?

Agora quero estudar mais e correr atrás de novos trabalhos, fazer teatro, cinema e colocar alguns projetos em prática com meus amigos.