Rob conta como conseguiu o papel em Crepúsculo, como se preparou para viver Edward Cullen e seu relacionamento com Kristen Stewart


Entrevista: Reprodução Revista Atrevida

A fúria de Crepúsculo está em todo lugar. A série de quatro livros já vendeu 17 milhões de cópias; as adaptações dos livros para o cinema é sucesso absoluto de bilheteria; e o britânico Robert Pattinson virou sensação da noite para o dia. O papel do vampiro Edward Cullen transformou o ator no queridinho entre as garotas de todo o mundo.

Robert Pattinson

Robert Pattinson: de coadjuvante (como Cedrico Diggory) à ídolo máster (como Edward Cullen)
Foto: Stratraks Photo


Por onde ele passa, as fãs de Crepúsculo ficam em frenesi. Só pra se ter uma idéia, mais de três mil adolescentes compareceram à seção de autógrafos dele em São Francisco. Em Nova York, um evento similar teve de ser cancelado devido à confusão que a multidão provocou. Detalhe: isso rolou quando apenas o trailer do primeiro filme havia sido divulgado!

O ator de 24 anos era praticamente desconhecido quando foi escolhido pela diretora Catherine Hardwicke para estrelar a saga. Nascido e criado em Londres, Robert Thomas-Pattinson – que tinha o apelido de Spunk Ransom – havia atuado apenas em peças amadoras e descolado papeis pequenos em filmes. Seu papel de maior destaque foi o do personagem Cedrico Diggory em Harry Potter e o Cálice de Fogo. Depois disso, ele ficou “desempregado” por dois anos até seu agente convencê-lo a participar de alguns testes para filmes em Los Angeles, um deles era Crepúsculo. Agora, está chovendo roteiro na hortinha dele. Sem dúvida, ele vai continuar sendo “o cara” por mais um bom tempo.

No dia da entrevista, em um hotel em Los Angeles, o ator de 1,85 m estava com uma barba cerrada e mexia constantemente no cabelo bagunçado que, aliás, o estúdio o proibiu de cortar (é a marca de Edward e, até aquele momento, o ator ainda não tinha se livrado disso). Robert Pattinson usava jeans e uma blusa azul de manga curta sobre uma camiseta branca e falava de um jeito supercalmo. O brilho em seus olhos e seu sorriso malicioso explicam a atração que tantas meninas sentem pelo tímido Rob. Confira o papo que rolou!

*entrevista realizada em 2008